Jac vai trazer cinco veículos elétricos, três deles SUVs

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

por Márcio Maio

Auto Press

Há tempos, a eletrificação deixou de ser tema de conceitos futuristas e ganhou as ruas no cenário automotivo. Desde modelos híbridos, que funcionam com a junção de motores a combustão e elétricos, até automóveis que funcionam apenas com baterias e sem combustível. E o Brasil já virou foco das marcas que apostam nesse tipo de tecnologia de zero emissões de poluentes. Prova disso é a investida da JAC, que acaba de confirmar a chegada de cinco veículos elétricos a partir do ano que vem. E apostando em categorias diferentes. São três SUVs, uma picape e um caminhão com capacidade para seis toneladas de PBT.

O carro-chefe da linha é o iEV40, cujas entregas começam já neste mês de setembro. O modelo já foi bastante divulgado pela marca e é derivado do crossover T40. Sua pré-venda garantiu a reserva de 57 unidades e o SUV compacto, de acordo com a ficha técnica da JAC, roda até 300 km com uma única carga. O preço é de R$ 153.500 e seu propulsor atinge 115 cv de potência e 27,7 kgfm de torque máximo. Além de ficar longe dos postos de gasolina e cada recarga custar cerca de R$ 22, uma das vantagens do carro é o seu baixo custo de manutenção. A marca oriental indica que as revisões de 10 mil até 60 mil km totalizam menos de R$ 650.

Um dos destaques do iEV40, além do painel de informações digital, é a central multimídia com mirror link e tela de oito polegadas, que incorpora câmera 360 graus e de ré. O sistema tem conexão Bluetooth, leitor de MP3 e entrada USB, além de conectividade com Android e IOS. Ali também aparecem a autonomia remanescente, a carga de kWh recuperada instantaneamente em cada desaceleração ou frenagem e funções como consumo médio e instantâneo.

A porta de entrada da linha elétrica da fabricante chinesa é o iEV20, um SUV com 68 cv de potência, 21,9 kgfm de torque máximo e autonomia prometida de 320 km. Baseado no J2, o modelo é um subcompacto – são 2,39 metros de entre-eixos – e as primeiras entregas estão agendadas pra janeiro do ano que vem. O preço é um dos seus principais atrativos: R$ 119.900. Há ainda um modo de direção, Low, que a fabricante garante poder ampliar a distância percorrida para 400 km. Seu acionamento, no entanto, limita a velocidade máxima a 63 km/h – no modo mais esportivo, esse número sobe para 112 km/h.

No topo da gama de SUVs elétricos está o iEV60. Sua chegada está prevista apenas para o segundo semestre de 2020, no mês de julho. Até pelo prazo ainda distante, poucas informações foram divulgadas sobre o modelo. Sabe-se que é uma versão elétrica do T60, cujo sistema de 63 kWh de capacidade de carga entrega autonomia de 380 km. Também para 2020, no mês de abril, espera-se a chegada da primeira e única picape 100% elétrica produzida no mundo, a iEV330P. São 67 kWh e 320 km de autonomia, mas o preço é um pouco salgado: R$ 229.900. Por último, a JAC também venderá por aqui, no apagar das luzes de 2019, o caminhão iEV1200T. Com capacidade para transportar seis toneladas de PBT, suas baterias armazenam 97 kWh e a JAC promete uma autonomia de 200 km. O preço sugerido, por enquanto, é de R$ 259.900.

TRÂNSITO LIVRE

VIDEOS

MARCAS